Para quem vai iniciar (ou reiniciar) sua vida musical com o vinil.

Muitas pessoas ainda têm seus vinis guardados, toca-discos e pretendem recomeçar a escutar seus discos ou são pessoas que do zero querem entrar neste universo “diferenciado” e acabam ficando meio perdidas nesse emaranhado de “novidades” (nem tão novas assim) que é a vida musical com o vinil.

Por isso, a Conversa de Vinil desta semana é sobre alguns toques para quem vai adentrar pela primeira vez no mundo do vinil ou anda meio esquecido em como recomeçar.

20150217_170607aa

Uma coisa a entender é que tudo no vinil é diferente do MP3, streaming ou CD. Tudo, mesmo! Do tocador (toca-discos) ao manejo da mídia!

Então, você precisará de algumas dicas:

Se você quiser saber mais sobre o que está sendo apresentado neste artigo, clique nos links e descobrirá outras e maiores informações sobre cada assunto apresentado

1) O disco de vinil é mais frágil que o CD e precisa de cuidados e limpeza .

2) É importante um bom aparelho de som (conjunto entre toca-discos, receivers e/ou amplificadores, equalizadores e etc).

3) Aparelhos ruins vão gerar um som que afetará negativamente seu prazer em escutar um disco. Portanto, a qualidade do som está diretamente ligada à qualidade da sua aparelhagem e, mais ainda, da agulha, cápsula e caixas de som. É importante frisar: o som do vinil não é necessariamente melhor que do MP3, stremaing ou CD, tudo dependerá do conjunto entre aparelho, qualidade da mídia, caixas, agulhas e etc.

4) O disco de vinil não é uma coisa tão barata, muito menos um bom toca-discos, agulhas e cápsulas.

5) A agulha tem vida útil limitada e precisará ser trocada de tempos em tempos

6) Não existe uma grande quantidade de títulos à venda. Existem pouquíssimas fábricas de vinil no mundo e a maior quantidade de discos para aquisição são usados.

7) Fique atento onde comprar e como comprar seus vinis usados e pela internet (e Facebook). As Feiras de Discos são locais legais para interagir e adquirir novos títulos.

8) O disco de vinil não é só LPs, há outros tipos de tamanhos e também diferem quanto a espessura e cor.

9) Pensar que ouvir um vinil é mais legal que um CD, podes crer, não é mito!

10) Exibir com orgulho sua coleção de discos é muito gratificante e as artes das capas, encartes e as mais variadas cores do vinil são experiências táteis e visuais que vão te fazer apaixonar de vez pelo vinil.

O Vinil não morreu e está firme e forte!

Então, o que está esperando? Coloque logo um vinil pra tocar e bom divertimento!

__________

Quer saber mais sobre o “ressurgimento” do Vinil? Clique aqui!
Quer saber sobre a qualidade sonora do Vinil, do CD, do streaming e do MP3? Clique aqui!
Sobre os toca discos? Clique aqui!
Cuidados com seus discos? Clique aqui!
Como e onde comprar? Clique aqui!
Toda semana um novo post realizado por nós, a equipe do UV, no menu “Conversa de Vinil

Quer interagir? Utilize a seção contato, clicando AQUI!