Como saber se o peso do braço do seu toca-discos está legal? Que tal usar uma balança de precisão?

Muita gente não sabe se o peso do braço do seu toca-discos está numa medida (de peso) boa e certa  para tocar seus vinis sem que isso traga qualquer prejuízo aos nossos queridos bolachões e/ou para a vida útil das agulhas. Isso quer dizer que um braço fora dos padrões (requeridos pelo fabricante da agulha) do peso que exerce no disco pode danificar seu vinil, diminuir a vida útil da sua agulha ou, se estiver muito leve, lhe dar a sensação de que o disco pula ou a agulha desliza sobre as trilhas (muitas vezes pensamos até que o vinil está arranhado). Portanto, não é nada agradável e saudável para discos e agulhas (e, por consequência, nossos ouvidos) um braço fora das referências dos fabricantes.

Então, aqui vão algumas dicas:

  • Procure no manual do seu toca-discos se o braço é fixo ou pode ser ajustado o peso que ele exerce sobre a agulha. Se for fixo, não é possível fazer muita coisa, exceto levar a uma assistência técnica para calibrá-lo caso perceba que está fora dos padrões.
  • Todo bom toca-discos traz algum recurso para calibrar o peso do braço, normalmente, vem uma peça chamada “contrapeso” que fica no braço do tocador de vinil e no lado oposto da cápsula.

  • Veja no manual do seu toca-discos como proceder com o contrapeso para adicionar ou diminuir o peso que será exercido sobre a agulha ao entrar em contato com o disco e siga as orientações para deixá-lo no peso certo.
  • Os fabricantes de cápsulas e agulhas trazem em seus manuais o peso ideal que a agulha deverá exercer sobre o disco. E é importante saber disso para “carregar” o braço com o peso certo – de acordo com o que foi anunciado no manual da agulha.
  • O ajuste do contrapeso é feito manualmente e nos manuais dos toca-discos vêm – normalmente – um gabarito para mostrar em qual posição o contrapeso liberará mais ou menos pressão na agulha quando esta estiver encostada no vinil.
  • Esta avaliação feita a partir dos gabaritos contidos nos manuais dos tocadores de que o peso está correto nem sempre é 100% eficaz.
  • Para ter certeza de que o peso está correto só fazendo uso de uma balança para verificar com precisão qual a medida do peso do braço.

Como proceder utilizando uma balança de precisão?

A Shure tem uma espécie de balança (Shure SFG-2 Stylus Tracking Force Gauge – imagens acima) própria para medir a força (peso) do braço. É possível que exista este tipo de acessório também de outras marcas, mas, no caso brasileiro é quase impossível de ser encontrado no nosso comércio. Assim, as balanças de precisão podem ser uma boa alternativa.

Balanças de precisão são aquelas utilizadas por ourives. Hoje no mercado já encontramos balancinhas com preços mais em conta (como as das figuras acima) e que, juntamente com o indicado no gabarito do contrapeso somado com o resultado que sai das balanças, é possível termos um indicador do peso do braço perto de 100% de certeza.

Essas balancinhas são bastante baratas (como as das imagens), mas, é óbvio que você pode optar pelas mais caras e mais recomendadas, porém, atualmente estes modelos mais em conta são capazes de lhe dar um resultado muito bom, contudo, deve-se atentar para algumas questões:

  • Veja se as pilhas são alcalinas e estão em bom estado. Pilha gasta pode atrapalhar no resultado da medição
  • Após ligar, aguarde de 20 a 30 seg antes de medir para que ela se calibre perfeitamente
  • Como em qualquer coisa tecnológica, siga o manual de instruções para deixá-la em perfeito estado de uso

Agora que você já entendeu qual é a da balança de precisão, vamos ao método de pesagem e checagem do peso do seu braço:

  1.  Leia o manual da sua agulha e verifique qual o peso ideal dela
  2. Veja no seu contrapeso qual é o ajuste necessário para chegar ao peso que sua agulha requer e faça os ajustes
  3. Retire o tapete do prato; coloque sua balança de precisão no prato do toca-discos (sem o tapete – isso é necessário para que a balancinha fique num nível mais próximo daquele que estivesse com um disco),  ligue-a, espere de 20 a 30 seg. para ela calibrar e deixe sua agulha encostar no campo de pesagem da balança para verificar se o peso está correto.
  4. Caso esteja tudo ok, beleza! Você chegou ao nirvana do peso de sua agulha.
  5. Se tiver alguma diferença entre o que o manual disse para você fazer com seu contrapeso para colocar o peso ideal da agulha com o que aparece no display da balança, verifique se a balancinha está funcionando perfeitamente. Se ela estiver, abandone o manual do seu contrapeso e vá mexendo, repetindo a operação (ajuste do contrapeso mais checagem na balança) até chegar ao número certo do peso da agulha.

Agora vocês podem estar perguntando se é possível ter erro usando o gabarito do contrapeso? É plenamente possível, ainda mais levando em consideração que se for algum toca-discos mais antigo corre-se o risco do contrapeso não ser original; sem contar que muitas vezes ele vem preparado para informar sobre o peso ideal quando se usa uma shell (onde fica a cápsula) original e, também, é plenamente possível que o toca-discos possa estar com uma shell diferente daquela que vem com ele quando o tocador foi adquirido (principalmente se for uma aquisição de um usado). Mas, o pior: muitos toca-discos novos não têm precisão no que seu gabarito informa, já que é possível que exista imprecisão da informação pelo próprio fabricante – normalmente isso ocorre com toca-discos de qualidade duvidosa ou, nem mesmo vem o gabarito e/ou a numeração no contrapeso.

Por fim é bom lembrar, normalmente nos manuais das agulhas o peso vem numa faixa entre o mínimo e o máximo, neste caso, o legal é você usar o seu ouvido e perceber qual é o peso ideal que lhe trará melhor qualidade na audição de sua música, mas, lembre-se tem que estar dentro da faixa indicada. Use este que você gostou e pronto!

Resumindo o papo: não utilize peso diferente daquele recomendado pelo fabricante da agulha, isso poderá danificar a própria agulha ou o disco e se estiver muito leve poderá lhe dar a sensação de disco arranhado (o braço fica pulando) ou não perceberá todos os sons gravados nas trilhas do bolachão. Portanto, calibrar o peso é fundamental para ouvir uma boa música tirando o máximo proveito do seu toca-discos, bem como, propiciar uma vida mais longo para seus discos e agulhas.

Se você seguir estas pequenas instruções, com certeza, sua música soará muito melhor!

Então, coloque logo um disco para tocar e bom proveito!

_______

Quer saber mais sobre o “ressurgimento” do Vinil? Clique aqui!
Quer saber sobre a qualidade sonora do Vinil, do CD, do streaming e do MP3? Clique aqui!
Sobre os toca discos? Clique aqui!
Cuidados com seus discos? Clique aqui!
Como e onde comprar? Clique aqui!

Quer interagir? Utilize a seção contato, clicando AQUI!

Faça o download gratuito do livro Conversa de Vinil: o universo dos discos de vinil ou o adquira no formato papel para ajudar o UV a se manter sem a necessidade de propagandas ou patrocínios clicando AQUI